Novo VW Polo começa a ser revelado no Brasil.

dedeO nome Polo não traz lembranças muito agradáveis para a família brasileira da Volkswagen, pois a primeira tentativa deste modelo no nosso mercado foi um fracasso. “Carro certo na hora errada” foi o mínimo que se comentou à época, não por deficiência do carro, por sinal o mais moderno da linha. Mas por erro de estratégia mercadológica, posicionamento, preço e adequação de concorrência. Prova disso é que sua plataforma deu origem ao Fox, um dos maiores sucessos da Volkswagen no Brasil. Porém, para o novo Polo, a marca traz novas estratégias.

A fábrica não quer repetir o erro e adotou nova estratégia para trazero Polo de volta e vai apresentá-lo em pílulas.

Num primeiro encontro com a imprensa, esta semana, ela não mostrou o carro, mas apenas a plataforma (MQB) e seus principais aspectos tecnológicos para destacar sua modernidade. A MQB é utilizada em todos os novos lançamentos mundiais da marca Volkswagen, dede o Polo até o Passat e SUV’s.

Indentificação
O que significa a plaquinha 1.0, 1.3 ou 2.0 na traseira do carro?

É o volume (cilindrada) do motor que, no passado, era relacionado com seu desempenho. Hoje, com as novas tecnologias, não quer dizer mais nada. Entre os melhores exemplos estão motores recentes da Volkswagen no Brasil: o motor 2.0 que equipava o Jetta tinha 120 cv. Os novos turbinados 1.0 TSI do Golf desenvolvem até 128 cv!

A VW decidiu então quebrar paradigmas e trocar as plaquinhas traseiras do novo Polo que será lançado no nosso mercado no final deste ano: nada de cilindrada, mas um número maior, mais apelativo, que se refere ao torque. Ainda que o cliente não saiba muito bem o que vem a ser esta medida, o número vai impressionar…

O novo Polo com motor 1.0 (turbo, três cilindros) será identificado como 200 TSI, as duas centenas se referindo aos 200 Nm de torque. A versão GTI, esportiva, terá um vistoso 350 TSI na tampa traseira, também lembrando o torque do motor 2.0 turbinado.

Segurança
O Polo será o mais sofisticado modelo da VW no Brasil. Em termos de segurança, terá (opcionais ou de série) Controle Eletrônico de Estabilidade (ESC), de tração (CT), freios a disco nas quatro rodas (com sistema para “secá-los na chuva), sistema Isofix para cadeirinhas, bloqueio de diferencial, e alerta de baixa pressão nos pneus (TPMS).

Conforto
O novo carro POLO da VW terá botão de partida sem chave, automático de faróis e limpadores,teto solar, acionamento elétrico da trava do porta-malas, assistência de partida em rampa (auto hold), painel digital de última geração customizável (motorista escolhe os mostradores), chicote elétrico por fibra óticas e varias outras tecnologias pioneiras no Brasil. O câmbio automático não será o de dupla embreagem (DSG), mas o convencional.

Mercado
O Polo será lançado no último trimestre deste ano, posicionado entre Fox e Golf. Preços portanto estimados entre R$ 50 e 75 mil. No primeiro trimestre de 2018 chega seu irmão sedã, o Virtus. Com maior entre-eixos para aumentar o espaço no banco traseiro. Outro membro da família será o SUV T-Cross, que chega até o final de 2018. E uma nova picape, entre Saveiro e Amarok, em 2019, para brigar com Fiat Toro e Renault Oroch.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *