Câmara Bento – Casa cheia para discutir plano diretor.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Mais de cem pessoas de diversos bairros e representantes de associações marcaram presença

O plenário da Câmara Municipal de Bento Gonçalves esteve lotado na tarde dessa quinta-feira (24), para debater o projeto de lei complementar nº 6/2017, que dispõe sobre a ordenação territorial do município de Bento Gonçalves e sobre a política de desenvolvimento e de expansão urbana, e aprova o plano diretor municipal.

Conduzida pela Comissão de Infraestrutura, Desenvolvimento e Bem-estar Social, o objetivo da audiência, foi apresentar as mudanças que estão sendo propostas pelo projeto, bem como ouvir a população.

O plano foi apresentado pela diretora adjunta do Instituto de Planejamento Urbano de Bento Gonçalves (Ipurb), a arquiteta Melissa Bertoletti. Segundo ela, o plano diretor foi trabalhado em reuniões semanais por quase dois anos de discussões, incluindo as reuniões distritais. “Após as discussões o plano foi aprovado pelo Fórum de Políticas Públicas, que é formado por 62 entidades, e agora segue para apreciação dos vereadores” explicou Melissa.

Mais de cem pessoas de diversos bairros, marcaram presença. Destas, 20 ocuparam a tribuna apresentando suas críticas e sugestões. Pouco antes de encerrar a audiência pública, o presidente da Comissão de Infraestrutura, Desenvolvimento e Bem-Estar Social, vereador Marcos Barbosa (PRB) informou a abertura de um prazo de 72 horas para recebimento de sugestões por parte da população. As sugestões devem ser protocoladas na Câmara Municipal até as 17h de terça-feira (28).

Além da comunidade e associações, estiveram presentes vereadores o Diretor do Ipurb Vanderlei Mesquita e secretários municipais.

A Comissão de Infraestrutura, Desenvolvimento e Bem-Estar Social é presidida pelo vereador Marcos Barbosa e tem como vice-presidente o vereador Rafael Pasqualotto (PP) e como membros os vereadores Eduardo Virissimo (PP), Gustavo Sperotto (DEM), Neri Mazzochin (PP) e Volnei Christofoli (PP).

Assista à gravação na íntegra da audiência pública no canal do Youtube da TV Câmara Bento.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *