Últimas semanas para parcelar o IPVA 2018 em até três vezes.

Até agora, mais de 1 milhão de veículos já estão em dia.

Restam pouco mais de duas semanas para o contribuinte parcelar o pagamento do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA 2018). No próximo dia 31, termina o prazo para dividir o pagamento do imposto em até três vezes ou quitar com descontos que podem chegar a 22,4%. No caso do parcelamento, até essa data é preciso pagar a primeira prestação.

Pelo último relatório divulgado pela Receita Estadual, já passa de 1 milhão o número de contribuintes que pagaram de forma antecipada (até o dia 2) ou optaram pelas vantagens do parcelamento. Com um total de 1.020.362 de guias pagas, 28% da frota que precisa recolher o tributo (3.643.682) está com a situação em dia.

Desse total, 891.144 motoristas se valeram do desconto máximo de 24,73%. Outros 84.198 contribuintes preferiram quitar o IPVA 2018 com os descontos máximos oferecidos neste mês, enquanto 45.012 escolheram parcelar em três vezes. Com isso, a arrecadação bruta chegou a R$ 787,6 milhões até o momento. Metade do valor é repassado de maneira automática para as prefeituras, conforme o município de licenciamento do veículo.

Descontos

Para alcançar o desconto máximo de 22,4% no mês de janeiro, o contribuinte deve somar as vantagens dos programas do Bom Motorista e do Bom Cidadão. Os condutores que não receberam multas nos últimos três anos terão dedução de mais 15% – para quem não foi multado há dois anos, o índice é de 10% e quem ficou um ano sem infrações, o abatimento é de 5%. O desconto do Bom Cidadão, por sua vez, dá aos proprietários de veículos que acumularam no mínimo 100 notas fiscais no programa Nota Fiscal Gaúcha mais 5% de desconto, válidos para pagamentos antecipados ou não.

Para se habilitar ao parcelamento, o proprietário do veículo precisa pagar a primeira parcela até 31 de janeiro – as duas subsequentes serão em fevereiro (até o dia 28) e março (dia 29). Os descontos são de 3% para a primeira parcela, 2% para a segunda e 1% para a terceira.

Serviço

Quem paga?

Todos os proprietários de veículos automotores fabricados a partir do ano de 1999.

Como pagar?

Para quitar o imposto, o proprietário deve apresentar CRLV (Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo). Junto com o IPVA, é possível pagar o seguro obrigatório, DPVAT, taxa de licenciamento e multas de trânsito.

Onde pagar?

Banrisul, Bradesco, Santander, Sicredi, Caixa (loterias) e Banco do Brasil (somente para clientes).

Consultas e dúvidas

Para auxiliar os contribuintes, a Sefaz (Secretaria da Fazenda) disponibiliza o site do IPVA. Nele, é possível consultar os dados relativos aos veículos, como multas, valores a pagar e pendências. Além do site, é possível baixar o aplicativo do IPVA RS para dispositivos móveis, disponível gratuitamente na App Store e na Google Play.

 

O Sul




Deixe uma resposta