Fenavinho homenageia costumes do interior com Desfile Alegórico

25

Na história da Fenavinho, o desfile de carros alegóricos simboliza, ao lado do vinho encanado e da escolha da corte, o espírito de congraçamento comunitário tão presente na memória afetiva de quem viveu e vive a festa. Carregado de simbolismos por retratar a própria história da cidade – e, por consequência, da festa –, o desfile da 16ª edição torna um acontecimento já especial em singular: só haverá uma chance para a comunidade e os visitantes assistirem ao corso. E será no dia 2 de junho, durante o primeiro final de semana do vinho encanado, às 15h – em caso de chuva, o desfile será transferido para o dia 9 de junho.

Durante cerca de uma hora, a Rua Marechal Deodoro, entre as ruas Saldanha Marinho e Júlio de Castilhos, será o cenário para esse momento alegórico que narra, com a participação de vários segmentos da comunidade, como a cidade se desenvolveu a partir de sua vocação para elaborar vinhos e produzir móveis.

O desfile abrirá com o símbolo da Fenavinho, o boneco Tastavin, um bonachão sujeito com o maior jeito de gringo saído direto da Roma Antiga. Depois, o carro das autoridades passa pela avenida – mas nada de carrão de luxo, eles desfilam num Wine tuc, releitura de um tipo de veículo bem famoso no interior da cidade.

A sequência do corso traz os jogadores do Esportivo, que neste ano chega a seu centenário comemorando, além da simbólica data, a volta à elite do futebol gaúcho. Seguem a parada os integrantes da Câmara de Dirigentes Lojistas, entidade que compartilha com a comunidade seu aniversário de 50 anos de atuação. Já no carro Maria Fumaça, da Giordani Turismo, representantes de diversas entidades de Bento dividem com o público a alegria de celebrar a Fenavinho.

Um dos momentos mais especiais será a passagem dos carros dos distritos – São Pedro, Tuiuty, Faria Lemos e Vale dos Vinhedos –, responsáveis por grande parte da produção de uvas do município. Cada um deles participará com dois caminhões trazendo toda a herança dos imigrantes italianos com seus costumes e tradições, com grande participação de suas respectivas associações turísticas. Essa é, também, uma forma de divulgar os atrativos que tanto encantam os visitantes, como os Caminhos de Pedra, em São Pedro; as paisagens cravejadas de parreirais do Vale Do Rio das Antas, em Tuiuty; as cantinas históricas de Faria Lemos; o glamour do Vale dos Vinhedos e da Eulália.

Outro ponto para celebrar o legado dos imigrantes será a participação do Circolo Trentino e da Famiglia Trentina, que desfilam em conjunto, enaltecendo a herança deixada pelos imigrantes da região do Trento em Bento Gonçalves. Ainda fazem parte do desfile duas escolas municipais, a Lóris Antônio Pasquali Reali, do Vale dos Vinhedos, e a Fenavinho, do bairro homônimo, e o Centro de Patinação Rodas da Serra, com os alunos desfilando, na rua – mas sobre as rodinhas, é claro.

Um dos últimos carros traz a corte da 16ª da Fenavinho, com a Imperatriz do Vinho, Bárbara Bortolini, e as Damas de Honra Ana Paula Pastorello e Sandi Marina Corso. Encerrando o desfile, o comitê de organização da 16ª Fenavinho estará distribuindo vinho para o público – numa referência ao caráter popular sempre presente na festa.

Serviço

O que: desfile de carros alegóricos da Fenavinho

Quando: dia 2 de junho, às 15h (em caso de chuva, o desfile será transferido para o dia 9 de junho)

Onde: Via del Vino, no Centro

Quanto: grátis




Deixe uma resposta