Executivo de Bento Gonçalves presta contas do terceiro quadrimestre de 2017.

A Prefeitura de Bento Gonçalves, por meio da Secretaria de Finanças apresentou nesta quarta-feira, 14, na Câmara de Vereadores, os relatórios financeiros referentes ao terceiro quadrimestre de 2017.

 

Na ocasião, as informações foram apresentadas pela Secretária da pasta, Mariana Largura, e pela Gestora de Orçamento e Finanças, Elisiane Schenato. A audiência pública foi realizada pela Comissão de Orçamento, Finanças e Contas Públicas, presidida pelo vereador Volnei Christofoli.

 

Segundo os dados apresentados sobre a Gestão Fiscal, o Resultado Primário,  que é a diferença entre as receitas e as despesas (excluindo os juros, alienação de bens, financiamentos e pagamento de empréstimos), foi de R$27.413.154,56. Este resultado positivo demonstra que o Município possui recursos para pagamentos de suas despesas fiscais e ainda para honrar seus compromissos decorrentes de operações financeiras, sendo a arrecadação primária capaz de suportar as despesas primárias.

 

Já o Resultado Nominal, que é a sobra de recursos financeiros considerando o pagamento de todos os débitos do Município, foi de (menos)  R$ 27.980.350,68. Este resultado é favorável ao Município, ficando demonstrado que ele dispõe de recursos para quitar suas dívidas.

 

A arrecadação provinda de recursos livres (Próprios, MDE (Educação) e ASPS (Saúde)) demonstrou um acréscimo de 6,39% em relação ao previsto.

 

De acordo com a Secretária da pasta, do total liquidado no período, qual seja R$ 398.406.705,55,  o valor de R$ 205.860.701,52 foi investido em Saúde e Educação, prioridades da Administração Municipal. Este valor representa aproximadamente 51,56 % do total de liquidações do período.

 

O total de despesas líquidas com pessoal, incluindo terceirizados foi de R$ 128.471.619,75, valor que representa 37,73% da Receita Corrente Líquida, que foi de R$ 340.521.023,37 (Metodologia do Tribunal de Contas do Estado do RS), ficando dentro do limite estabelecido pela Lei de Responsabilidade Fiscal.

 

A Comissão de Orçamento, Finanças e Contas Públicas da Câmara tem como vice-presidente o vereador Rafael Pasqualotto e como membros efetivos os vereadores Marcos Barbosa, Agostinho Petrolli, Gustavo Sperotto e Anderson Zanella.

 

 

Assessoria de Comunicação Social

Fotos: Marina Teles




Deixe seu comentário !