DENUNCIADO POR FEMINICÍDIO HOMEM QUE MATOU MULHER LOGO APÓS AUDIÊNCIA DE DISSOLUÇÃO DE UNIÃO ESTÁVEL EM CAXIAS DO SUL

0
106

A 1ª Promotoria de Justiça Criminal de Caxias do Sul encaminhou à 1ª Vara Criminal do município denúncia contra José Waldemar Engelmam, acusado de matar a ex-companheira, Ereni dos Santos. A denúncia foi assinada pelo promotor de Justiça Alexandre Salim na última quinta-feira, 05. O homem é acusado pelo crime de feminicídio, mediante disparo de arma de fogo, cometido no dia 11 de novembro, no bairro Desvio Rizzo.

A denúncia relata que Waldemar foi abusivo na relação, tanto que Ereni já havia postulado medidas protetivas de urgência contra o acusado. Na manhã do crime, houve audiência na Vara de Família de Caxias do Sul para homologar a dissolução da união estável do casal. Após isso, o denunciado perseguiu a vítima, provocou uma colisão entre os automóveis de ambos, descendo do carro já com a arma em punho.

A perícia apontou que a vítima foi alvo de, no mínimo, cinco projéteis de arma de fogo, falecendo em virtude de hemorragia interna por ferimento cardíaco. O crime imputado a José Waldemar é qualificado pelo feminicídio, pelo motivo torpe e pelo recurso que dificultou a defesa da vítima.