Alunos do Ensino Fundamental contam com biblioteca virtual

100

Os alunos da rede municipal de ensino de Garibaldi contam com um novo recurso que promete deixar o hábito da leitura ainda mais interessante e divertido.

A Prefeitura de Garibaldi, por meio da Secretaria Municipal de Educação, passou a disponibilizar aos estudantes do 6o ao 9o ano do Ensino Fundamental e turmas de Educação de Jovens e Adultos (EJA), a Árvore de Livros, acervo virtual que conta com mais de 30 mil títulos. A novidade integra o projeto “Garibaldi: Município Leitor”.

A secretária Simone Rosanelli Chies vê a biblioteca virtual como uma forma de aliar a tecnologia ao hábito da leitura. “Percebemos que as crianças até o 5o ano ainda têm prazer com a leitura, mas a partir da pré-adolescência, eles vão perdendo esse gosto e se apegando mais aos aparelhos tecnológicos”, explica Simone, que conheceu o projeto no último congresso de escolas associadas à Unesco.

O aplicativo pode ser baixado nos celulares e tablets, ou acessados nos computadores. Quem não tem acesso à internet em casa, pode baixar os arquivos para leitura offline.

Cada aluno e professor recebeu uma senha, que dá acesso ao acervo virtual, onde podem escolher os livros disponíveis de acordo com a sua faixa etária. Há ainda a estante dos periódicos, com jornais e revistas de diferentes partes do mundo. O sistema ainda gera um ranking entre os leitores e possibilita a leitura de três livros simultaneamente, e os professores podem acompanhar o andamento da leitura dos alunos.

“Não tem mais como dissociar os aparelhos tecnológicos das escolas, por isso, agregamos o que podemos”, avalia Simone. “Com a contrapartida dos universitários em 2018 e 2019, foram reformados pelo menos 50% dos laboratórios de informática das escolas, com novas máquinas, telas e tablets”, acrescenta. A outra metade deve ser feita nos próximos meses, para oferecer os equipamentos sempre em condições adequadas para o uso dos alunos.

A secretária conclui que “o gosto pela leitura é um processo contínuo, não podemos desistir, pois a leitura modifica o cidadão e precisamos disso”.
? Priscila Pilletti




%d blogueiros gostam disto: