Praça CEU passa a contar com Oficina de Capoeira

50

Ginga, golpes, esquivas, movimentos de floreios, são as novas palavras e ações que integram o quadro de oficinas da Praça CEU. A partir desta quinta-feira, 30, começam as aulas de Capoeira, ministradas por Luan Lucas de Barba, também conhecido como Cordilheira que começou a treinar com 11 anos de idade num projeto social, em 2002, e de lá para cá, nunca mais parou.

Fechando dez anos de coordenação à frente da Associação Brasileira de Apoio e Desenvolvimento da Arte-Capoeira – ABADÁ, Cordilheira irá ensinar a capoeira criada pelo Mestre Bimba. O instrutor destaca que a prática deste esporte cultural traz, para a pessoa, disciplina, lealdade, autoconhecimento, concentração, entre outros benefícios.

De caráter ancestral e desenvolvida por descendentes de escravos africanos no Brasil, a Capoeira foi considerada, em 2014, Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade, pela UNESCO.

Serviço

O que: Oficina de Capoeira

Dia: quintas-feiras

Horário: 17h30

Inscrições gratuitas para ambos os sexos. Para a prática é preciso usar roupas confortáveis para a prática da Capoeira

Local:  Praça CEU – Rua Orestes Calisto Sganzerla, bairro Ouro Verde

Assessoria de Comunicação Social

Fotos: Divulgação/ABADÁ




Deixe uma resposta