128 anos: Um passeio pela história e a arte do município

Em 2018, a história e a arte estão mais do que presentes na vida escolar dos alunos do Ensino Fundamental e Médio de Bento Gonçalves. A partir do momento que um estudante conhece as instituições que realizam a salvaguarda do patrimônio material e imaterial, bem como, estreita seus laços culturais, difundindo os bens, conteúdos e valores oriundos das criações artísticas, sua visão de mundo ganha outros contornos, conhecimentos e vivências.

 

Desde março deste ano, a Fundação Casa das Artes e o Museu do Imigrante promovem uma ação educativa colaborativa cujo objetivo é de fortalecer os laços de pertencimento da comunidade com a cidade e já atendeu 712 alunos.  Com doze edições realizadas, as “Quartas Culturais” trazem uma imersão lúdica e recheada de descobertas, onde o passado e o presente estão em permanente diálogo.

 

Assim, a ação inicia no Museu do Imigrante, onde são abordados alguns aspectos referentes à importância desta instituição. O museu, por excelência, é considerado a casa da memória, onde peças e objetos constituem narrativas próprias que, por sua vez, formam esse grande mosaico que é a odisséia daqueles que nos antecederam.

 

Nesse primeiro momento, a museóloga Deise Formolo e sua equipe abordam assuntos como: como acontece a escolha dos objetos para guarda no Museu?, como as exposições são pensadas, o que é uma Reserva Técnica,  e, após, aborda-se a narrativa expográfica, que são as visitas guiadas pelas salas do Museu do Imigrante.

 

De acordo com Deise “as Quartas Culturais são a máxima expressão de uma ação educativa para o patrimônio, pois instiga o pensamento crítico dos estudantes sobre a dimensão de suas heranças históricas”.

 

O segundo momento ocorre na Fundação Casa das Artes, através da mediação pelas suas salas, compreensão dos seus aspectos sociais, atividades, e imersão na exposição artística disponível naquele dia. Por fim, a terceira etapa, na sala Pública de Cinema da Fundação Casa das Artes, os estudantes são convidados a assistir um filme que aborde algum aspecto dos conceitos presentes nas mediações, ou outra temática que esteja sendo debatida em sala de aula. A escolha do filme é realizada entre professores, estudantes e equipe da Fundação Casa das Artes. O catálogo de filmes é disponibilizado em parceria com Sesc de Bento Gonçalves.

 

O presidente da Fundação Casa das Artes, secretário de Cultura, Evandro Soares ressalta que “trazer este público até a instituição é respeitar e valorizar a sua importância deste organismo vivo que se chama Cultura, pois ela é gerada pelo e para o ser humano. Aqui, na Fundação, temos presentes todas as manifestações e expressões artísticas, e dentro deste projeto, queremos mostrar os aspectos da dimensão simbólica e cidadã da Cultura, incentivando a criatividade e o pensamento crítico desta faixa etária”, ressalta.

 

Ainda conforme o secretário, o projeto foi além das expectativas locais tendo que a participação de educandários de Esteio e Garibaldi, e do público-alvo, tendo contemplado a formação de 26 professores e estagiários dos Ceacris.

 

A diretora da Escola Municipal de Ensino Fundamental Professor Agostino Brun, Jana Peirosan Signor, destca que “os alunos tiveram a oportunidade de somar seus conhecimentos, assim como as professoras que os acompanharam. No Museu, a identificação de peças que já conheciam através das famílias, deixou esse encontro ainda mais encantador deixando um gosto de quero mais. Pedimos que essa proposta permaneça e se multiplique”.

 

Para mais informações sobre as “Quartas Culturais”, entre em contato com o Museu do Imigrante, (54) 3451.1773. A atividade é oferecida, preferencialmente, em uma quarta de cada mês, com agendamento prévio das escolas interessadas, porém atendendo a alta procura da ação, têm-se realizado a atividade em diferentes dias do mês.

 

Assessoria de Comunicação Social

Fotos: Divulgação/Museu do Imigrante/Fundação Casa das Artes




Deixe uma resposta