Taxa de ocupação das empresas tem leve melhora em agosto

0

Uma boa notícia vem das micro e pequenas empresas gaúchas ouvidas pelo Sebrae RS entre os dias 03 e 16 de agosto, durante a realização da Pesquisa de Monitoramento dos Pequenos Negócios na Crise. O levantamento mostra que o comportamento da ocupação, nos últimos 30 dias, teve alta de 7%, ante os 5% do mês anterior. Sendo assim, a média de ocupação nas empresas pesquisadas chega a cinco pessoas, incluindo familiares, empregados fixos e temporários, formais e informais.

A expectativa das empresas para os próximos 30 dias também é mais positiva. Dos entrevistados, 49% pretende manter o negócio, 20% pretende expandir, 12% reposicionar, 10% retomar, 6% reduzir e apenas 3% encerrar as atividades. O levantamento mostra também que 87% das empresas pesquisadas estão funcionando e apenas 13% estão sem a possibilidade de abrir por conta, principalmente, da naturalidade da atividade ser presencial e pelos decretos municipais. A remodelagem de negócio já é uma realidade para 16% delas, em julho era 10%, o que também ajuda nesse processo de retomada. O levantamento ouviu 522 empreendedores. O nível de confiança é de 95% e margem de erro de 4%.

Confira mais dados da pesquisa realizada pelo Sebrae RS:

Média das pessoas ocupadas

7 Junho

4 Julho

5 Agosto

Ocupação nas empresas nos últimos 30 dias

51% diminuiu (65% diminuiu em julho)

42% manteve (30% manteve em julho)

7% aumentou (5% aumentou em julho)

Média das pessoas ocupadas por setor

5 pessoas no agronegócio

8 pessoas na indústria

5 pessoas no comércio

5 pessoas no setor de serviços

Motivo de não estar funcionando

35% Funciona somente presencial

22% Decreto governamental/bandeira vermelha

16% Remodelando o negócio

7% Decidiu fechar a empresa definitivamente

Faturamento nos últimos 30 dias

62% diminuiu

26% manteve

12% aumentou

Por: ASCOM SEBRAE RS