Economia Gaúcha tem retomada do crescimento.

45

Resultados são positivos nos setores de Compras, Vendas, Valor Adicionado, Corrente de Comércio e Investimentos. (Foto: Arquivo/Palácio Piratini)

Os Índices de Desempenho Econômico dos Contribuintes do ICMS do Rio Grande do Sul (IDEE-RS) de agosto de 2018 já estão disponíveis no portal de transparência da Receita Estadual, o Receita Dados. Os resultados apresentam variações positivas significativas, evidenciando um cenário de retomada do crescimento e de fim da recessão econômica. Parte do crescimento, no entanto, se deve aos baixos números do ano passado. As informações são da Sefaz-RS (Secretaria Estadual da Fazenda do RS).

Do total de cinco indicadores que compõem os IDEE-RS (Compras, Vendas, Valor Adicionado, Corrente de Comércio e Investimentos), quatro deles registraram taxa de crescimento real positiva em relação a agosto de 2017, na variação acumulada de 2018 e na variação acumulada dos últimos 12 meses. Apenas o indicador de Corrente de Comércio apresentou queda nos índices. Os números são corrigidos pelo IPCA.

Outra importante análise diz respeito ao crescimento contínuo do IDEE Vendas e do IDEE Compras, este último com uma tendência de incremento ainda maior quando comparado ao anterior. Segundo o subsecretário adjunto da Receita Estadual, Paulo Amando Cestari, o crescimento das compras em um mês tem repercutido nas vendas de um ou dois meses depois. “É a ordem natural do fluxo econômico. As empresas compram mais quando estão otimistas que venderão mais nos meses seguintes. O indicador de investimentos também corrobora essa percepção”, destaca.

IDEE setorial

Os IDEE-RS também analisam o desempenho da economia gaúcha por setores. O atacado e as indústrias de montagem e de transformação tiveram grande impacto nos bons resultados do mês de agosto, tanto no âmbito das Compras quanto das Vendas. Os números do varejo também foram positivos. Já as indústrias extrativa mineral, de beneficiamento e de acondicionamento continuam com queda no acumulado do ano e em 12 meses.

O que são os IDEE-RS?

Desenvolvidos pela Divisão de Estudos Econômicos da Receita Estadual, os indicadores mensuram mensalmente a performance agregada das atividades econômicas da indústria, do comércio atacadista e varejista e do setor de serviços dos contribuintes sujeitos ao campo de incidência do ICMS. O objetivo é auxiliar no processo de previsão e avaliação da receita, bem como no acompanhamento da situação econômica do Estado, possibilitando antecipar flutuações.

São compostos por cinco indicadores:

– IDEE Compras: agrega o fluxo interno, interestadual e externo a partir dos valores das compras dos contribuintes do ICMS constantes nas bases de dados da Receita Estadual.

– IDEE Vendas: agrega o fluxo interno, interestadual e externo a partir dos valores das vendas dos contribuintes do ICMS constantes nas bases de dados da Receita Estadual.

– IDEE Valor Adicionado: corresponde à diferença entre vendas e compras.

– IDEE Corrente de Comércio: representa a soma de vendas e compras.

– IDEE Ativo Fixo: retrata as compras para o ativo fixo das empresas.




Deixe uma resposta