Bento Gonçalves contará com Guarda Civil

O Prefeito Guilherme Pasin deverá sancionar nos próximos dias a Lei que institui a Guarda Civil em Bento Gonçalves. O projeto foi aprovado por unanimidade na última segunda-feira, 7, na sessão da Câmara de Vereadores. O próximo passo é a publicação do edital para abertura de concurso público.

De acordo com a proposta, entre as medidas que são de responsabilidade da Guarda Civil uniformizada e armada estão: prevenir e inibir, pela presença e vigilância, bem como coibir infrações penais ou administrativas e atos infracionais; colaborar de forma integrada com os órgãos de segurança pública; colaborar com a pacificação de conflitos; exercer as competências de trânsito; proteger o patrimônio ecológico, histórico, cultural, arquitetônico e ambiental do Município e garantir o atendimento de ocorrências emergenciais.

O Secretário de Segurança, tenente-coronel José Paulo Marinho destaca que inicialmente será realizado concurso para 20 agentes Municipais. “Eles irão atuar diretamente na prevenção primária á violência e a criminalidade, potencializando a presença física do Agente Municipal de Segurança, desta forma, evidenciando a percepção da comunidade da preocupação do Poder Público em melhorar a Segurança Pública de Bento Gonçalves”, afirma.

 

A Segurança é uma das principais bandeiras da Administração Municipal. Para o prefeito, Guilherme Pasin “a Guarda Civil de Bento Gonçalves, além de agregar nova medida de prevenção e repressão da violência, irá possibilitar ações integradas mais eficazes, estratégicas e de pronta resposta as ocorrências, juntamente com todos os órgãos do setor. Estamos trabalhando para oferecer tranquilidade e a segurança que a nossa população precisa”, disse.

 

Fundo Municipal de Segurança

Na segunda-feira, 07, também foi aprovada a criação do Fundo Municipal de Segurança Pública. Conforme o projeto, o FUMSEP, será destinado às ações e projetos que visem a adequação, modernização e aquisição de equipamentos de uso constante, como viaturas e armamentos para o Policiamento Comunitário e Guarda Civil, além da qualificação pessoal e profissional dos integrantes. O projeto contou com Emendas dos vereadores Eduardo Vírissimo e Gustavo Sperotto.

 

 

Assessoria de Comunicação Social Prefeitura

Foto: Divulgação




Deixe uma resposta