CIDADES Gospel – Pastor Ednir Gomes  Igreja evangélica Assembléia de Deus

…viajou para Jerusalém, para participar de algumas festas especiais (João 2:13); lá, encontrou-se com Nicodemos, um líder religioso (João 3:1ss). Quando Jesus deixou a Judéia, viajou por Samaria e ministrou aos samaritanos (João 4:1ss). Realizou muitos milagres na Galileia (João 4:46ss), na Judeia e em Jerusalém (João 5:1ss).

No seu livro, há relatos de Jesus sobre ocasiões em que: (1º) Alimentou mais de cinco mil pessoas, perto de Betsaida, que fica além do mar da Galileia, ou mar de Tiberíades (João 6:1ss); (2º) andou sobre as águas ao encontro de seus discípulos atemorizados (João 6:16ss); (3º) pregou por toda a Galileia (João 7:1); (4º) retornou a Jerusalém (João 7:2ss); (5º) pregou além do Jordão, em Peréia (João 10:40); (6º) ressuscitou Lázaro em Betânia (João 11:1ss); e, (7º) finalmente dirigiu-se a Jerusalém pela última vez, para celebrar a Páscoa com seus discípulos e dar-lhes importantes instruções sobre o que estava para acontecer e como deveriam agir. As últimas horas antes da sua crucificação foram gastas na cidade de Jerusalém (João 13:1ss), em um bosque de oliveiras, “o jardim do Getsêmani” (João 18:1ss), e em vários edifícios em Jerusalém durante o seu julgamento (João 18:12ss). Jesus foi crucificado, mas ressuscitou como havia prometido.

O livro de João, quase na sua totalidade é singular em relação aos demais evangelhos; não contém uma genealogia ou qualquer registro do nascimento de Jesus, da sua infância, tentação, transfiguração, escolha dos discípulos ou qualquer relato sobre as parábolas de Jesus, da ascensão, ou da Grande Comissão; como já disse, seu tema é comprovar que Jesus é o Filho Unigênito de Deus e que todo o que nEle crê tem a vida eterna.

Continuaremos na próxima edição, até lá;
com a graça de Deus.




Deixe uma resposta