Família sofre sério acidente na BR 386 mas sai ilesa graças ao cinto de segurança e cadeirinha

0

Esta News tem o apoio de : Guia Comercial Cidades da Serra

Criança de 2,5 anos ficou pendurada de cabeça para baixo, presa à cadeirinha, e sem nenhum ferimento.

Por volta das 15h50min, deste sábado (18), a PRF foi acionada para atender um acidente com possíveis lesões no km 328 da BR 386, em Marques de Souza.

De acordo com as informações recebidas, o condutor de um Ford/Ka Flex de Canoas, que trafegava no sentido capital- interior, havia perdido o controle do veículo, que saiu da pista e capotou.

Leia mais: BRIGADA MILITAR DE GARIBALDI INTENSIFICA AÇÕES NA CIDADE

Uma equipe da PRF estava próxima da ocorrência e conseguiu deslocar-se com brevidade. Chegando ao local, os policiais constataram que, felizmente, nenhum dos quatro ocupantes havia sofrido ferimentos.

Três adultos utilizavam o cinto de segurança e um menino de 2,5 anos estava devidamente fixado em dispositivo de retenção adequado (cadeirinha). Devido ao capotamento, a criança ficou pendurada de cabeça para baixo, presa à cadeirinha. Mas totalmente ilesa.

Nesse tipo de acidente, a não utilização do cinto de segurança ou cadeirinha (no caso das crianças) geralmente faz com que os ocupantes sejam lançados para fora do veículo, o que muitas vezes ocasiona ferimentos graves, e até mesmo a morte.

A PRF alerta que o cinto de segurança, bem como o dispositivo de retenção adequado à idade da criança, é obrigatório e indispensável para todos os ocupantes do veículo. Ele realmente pode salvar vidas.

por C.BENINI