Um desentendimento familiar terminou em tragédia na noite desta quinta-feira (9), na rua Padre Schell, bairro Piratini, em Gramado.

Um sobrinho atacou o tio com um facão e uma machadinha. Além de um golpe que decepou a mão da vítima, o agressor, de 31 anos, desferiu outras facadas na região abdominal do tio,
José Fogaça, 52 anos.

O homem foi socorrido com vida ao Hospital São Miguel, mas acabou morrendo pouco depois. O suspeito foi preso em flagrante pela Brigada Militar. O nome do autor não foi revelado pelos órgãos de segurança. É o primeiro homicídio de 2020 registrado em Gramado.