CIC-BG apoia projeto que torna atividade física essencial no município

0
107

O Centro da Indústria, Comércio e Serviços de Bento Gonçalves (CIC-BG), neste crítico momento para diversos segmentos no Estado do Rio Grande do Sul, atendendo ao pedido do Comitê Estadual de Educação Física e também de grupos de profissionais da área atuantes na cidade, manifesta apoio integral ao projeto de lei número 07/21, de autoria do vereador Rafael Fantin, que visa a tornar essencial a atividade física no município. Essa é uma proposta que traz um duplo benefício à nossa comunidade, sobretudo pelo seu viés no campo da saúde, mas também por seu amparo para o contínuo funcionamento dos estabelecimentos correlatos.

 A atividade física é condição essencial para o bem-estar do organismo e do intelecto. Portanto, se configura numa necessidade, ainda mais em tempos de pandemia, impreterível para que se possa enfrentar esse nefasto período e, assim, termos mais chance de êxito no enfrentamento desse mal, na avaliação do presidente da entidade, Rogério Capoani. “É notório o poder das atividades físicas sobre o nosso organismo, dotando-o de mais imunidade, bem como contribuindo para o bom curso do bem-estar psicológico, tão importante para as pessoas especialmente neste momento”, diz.

Tal proposta tem o apoio de inúmeros educadores físicos do Estado e o respaldo do Comitê Estadual da Educação Física do Rio Grande do Sul. Além disso, o PL 07/21 tem base na Constituição, em seu artigo 6º, no qual dispõe da saúde como um direito social, sendo a atividade física uma função determinante e condicionante como serviço essencial de acordo com o disposto na Lei Federal nº 8.080/90.

Exta Comunicação