Festejos Farroupilhas em Bento Gonçalves.

0
30
Programação, em formato híbrido, segue até o dia 20 de setembro
 

Na noite deste sábado (11), a ABCTG sediou a abertura oficial dos Festejos Farroupilhas 2021, bem como, de sua programação que segue até o dia 20 de setembro com diversas atrações, em formato híbrido, como apresentações artísticas na Via Del Vino, apresentações musicais online, oficinas de declamação e de culinária, entre outras.

Em seu pronunciamento, o presidente da ABCTG, Adiles Rodrigues de Freitas, enalteceu a união de diversas personalidades e entidades de realizar o evento: “todos que estamos aqui temos uma participação efetiva na concretização da programação dos Festejos 2021. Mesmo com a pandemia, precisamos ser forte de continuar valorizando e representando os verdadeiros valores tradicionalistas e quando acabe ela estejamos todos aqui na ABCTG comemorando . Nós somos gaúchos de garroa trancada. Viva o nosso Rio Grande do Sul, viva os Festejos Farroupilhas”.

O coordenador da 11ª Região Tradicionalista, Luiz Carlos Rigon, evocou o momento da geração da chama crioula em Bento: “é um orgulho que a chama crioula tenha sido gerada pela primeira, para a 11ª RT, em Bento Gonçalves. Essa chama eu percorre em toda a região a pata de cavalo, levada pela equipe de cavalarianos, liderado pelo Gaúcho Homenageado, Claudiomiro Dias, leva os bons frutos desta cidade. Ainda, este município conta com a 1ª Prenda Mirim do Rio Grande do Sul do CTG Herdeiros da Bombacha. Parabéns, Bento Gonçalves”.

Ainda, Rigon ressaltou que a cidade incentiva as entidades tradicionalistas: “aqui percebe o prestígio que a Administração Pública dá às tradições e aos seus CTGs”.

Os Festejos Farroupilhas deste ano têm por objetivo homenagear e comemorar o bicentenário de nascimento de Anita Garibaldi, uma das personalidades femininas mais cultuadas do Sul do Brasil. “Caminhos de Anita” pretende retratar a heroína conhecida por sua participação e envolvimento direto na Revolução Farroupilha (1835-1845).

O tema dos festejos é uma homenagem aos caminhos percorridos por Anita e à sua bravura, inserida no contexto da Revolução Farroupilha – a mais longa revolução do Brasil, que durou quase dez anos e tinha como ideais liberdade, igualdade e humanidade. Anita, ao lado de Giuseppe Garibaldi (1807-1882), lutou pela causa da liberdade no Rio Grande do Sul.

A patrona do evento no Estado é a declamadora Liliana Cardoso. Natural de Porto Alegre, a patrona tem 43 anos, é declamadora, radialista, apresentadora, mestre de cerimônias, ativista cultural e vice-presidente do Conselho Estadual de Cultura.