O CRISTO REDENTOR DE ENCANTADO

0
196
 

Desde 2019, uma cidade no Rio Grande do Sul está erguendo uma enorme estátua que pode ser maior que o famoso Cristo Redentor do Rio de Janeiro.

Já no século 19, o Corcovado, no Rio de Janeiro, foi descrito como o “pedestal único no mundo” para adoração de Jesus Cristo por um padre francês. Pedro Maria Boss sonhava com a construção de uma homenagem a 710 metros de altura, no Parque Nacional da Tijuca.

A obra monumental, no entanto, só foi iniciada em 1921. Naquele ano, a ideia ressurgiu como parte das celebrações do centenário da Independência do país, no ano seguinte. Ainda assim, foram cinco anos de construção para que o mais famoso símbolo do Rio de Janeiro e cartão-postal do Brasil fosse, de fato, erguido.

Eleito uma das sete maravilhas do mundo moderno, o Cristo Redentor atrai turistas do mundo inteiro até os dias de hoje. Ainda que outras cidades tenham construído suas próprias estátuas em uma espécie de réplica, nenhuma delas chegou perto do que é o famoso Cristo do Rio.

Uma iniciativa realizada na comunidade da cidade de Encantado, no Vale do Taquari, a quase 150 km da capital do Rio Grande do Sul, pode mudar essa realidade. Como noticiado pela Folha de S. Paulo no último dia 9, um novo Cristo está sendo erguido no Morro das Antenas, localizado na região a 400 metros acima do nível do mar.

A notícia de que uma nova estátua gigantesca do Cristo Redentor chocou internautas nas redes sociais. Pensando nisso, o site Aventuras na História separou tudo o que se sabe até agora sobre a construção do mais novo ‘Cristo Protetor’ do Rio Grande do Sul.

As obras começaram em julho de 2019 no Morro das Antenas e a expectativa é que terminem até o final deste ano. Embora o pouco tempo de construção surpreenda, o que gerou mais espanto foi o tamanho do monumento: enquanto o Cristo do Rio tem 30 metros de estátua e oito de base, a ideia é que esta possua 37 metros e mais seis de pedestal.

Superando o tamanho da estátua original, a construção, chamada pelos organizadores do projeto de “Cristo Protetor”, poderá se tornar a maior de todo o Brasil. Em seu topo, em vez da visão do Corcovado, será possível observar o Vale do Taquari, a Lagoa da Garibaldi e o rio Taquari.

À Folha, o supervisor geral das Obras e Planejamento, Artur Lopes de Sousa, afirmou: ‘’Tem uma vista muito bonita daqui de cima do morro. Ainda mais quando o turista e a comunidade local tiverem acesso ao interior do Cristo e subirem de elevador os 34 metros até o peito da estátua’’.

Como revelado por Sousa, diferente do Cristo original, este terá uma abertura no interior de seu peito, uma espécie de mirante que poderá ser usado por turistas para a apreciação da vista do local.

Esse projeto inovador foi executado pelo artista plástico Genésio Gomes de Moura, mais conhecido na região como ‘’Ceará’’, e seu filho Moisés Markus Moura, que assumiu a proposta recentemente por conta de problemas de saúde do pai.

Para que a estrutura fosse construída, a comunidade contou com uma organização local chamada Associação Amigos de Cristo (AACristo), que ficou responsável pelo projeto e pela arrecadação de fundos. Como contou o empresário Rafael Fontana à Folha, o dinheiro é obtido por meio de doações de pessoas da região e de ao redor do mundo.

No total, a obra custará cerca de R$ 2 milhões, segundo a CNN Brasil, e falta apenas 30% para que ela seja finalizada. A ideia é que o novo Cristo chame a atenção de muitos turistas para a região.

Jonas Calvi, o prefeito da cidade de Encantado, onde a estátua será construída, escreveu em suas redes sociais: “O Rio de Janeiro continua lindo e o mundo inteiro já conhece. Agora venham todos conhecer o Cristo Protetor de Encantado e as belezas do Vale do Taquari, conhecer nossa cultura e saborear nossa culinária maravilhosa! Vamos adorar receber todos vocês”.

POR ISABELA BARREIROS, SOB SUPERVISÃO DE THIAGO LINCOLINS