Jornal Cidades da Serra - Bento Gonçalves - Rio Grande do Sul - Brasil
VÍTIMA DE AVC REENCONTRA PM QUE LHE SOCORREU EM CAXIAS DO SUL
By Volben Propaganda On 9 jun, 2016 At 07:54 PM | Categorized As Educação e Cultura, Slider Inicial | With 0 Comments

13394020_1351607524855292_8319894719259094408_nDe um lado gratidão e reconhecimento, e de outro, a alegria de ter ajudado a salvar uma vida e a certeza do dever cumprindo. Assim foi o reencontro do Sargento Diego Monteiro e do Motorista da Visate Elieser Otaram Castro, 38 anos na tarde desta segunda-feira (06) em Caxias do Sul.

Era pra ser uma simples partida de futebol na manhã do domingo (22/05) no bairro Santa Corona, no entanto, um acidente vascular cerebral (AVC) acabou derrubando desacordado um dos jogadores em campo. Em meio ao alvoroço da incerteza, da dúvida e da falta de conhecimento do que se tratava e como agir, o policial Monteiro, toma frente de maneira audaz e corajosa verificando os sinais vitais e dispensando a massagem cárdica e água sugerida pelos demais. Colocando a vítima em posição adequada para manter o fluxo respiratório e utilizando-se da própria camisa, o PM mantém o pescoço da vítima apoiado mantendo assim, a circulação do oxigênio nas vias aéreas.

Ao passo que prestava os primeiros socorros, também orientava outro atleta que acionava o socorro junto ao SAMU. Sabedor, que cada minuto em situações como essa é vital, para não deixar dúvidas da urgência/emergência, o sargento pega o telefone se identifica como policial e repassa a gravidade do quadro solicitando brevidade no atendimento.

Em instante a ambulância chega ao local, porém em meio à chuva que caía ficou inviável a aproximação no campo. Nesse momento, com ajuda de outras duas pessoas o policial lhe pega nos braço e finda sua missão lhe conduzindo até o veículo do SAMU.

Elieser Otaram Castro permaneceu por cinco dias hospitalizado, sendo três dias na UTI. Ele passou por um procedimento de cateterismo as pressas e os médicos afirmaram a família que ele possivelmente apresentaria sequelas em todo seu lado direito do corpo, bem como na fala, mas felizmente, ele escapou da morte, retomou a vida e contrariando a medicina sem sequela alguma.

ELE FOI UM VERDADEIRO ANJO DIZ MÃE DA VÍTIMA

A mãe de Elieser, Roselaine Otaran Castro, 53 anos desabafa – o sargento foi um verdadeiro Anjo que estava graças a Deus no lugar certo e na hora certa! Nossa família estará eternamente grata pelo ato demonstrado por esse verdadeiro herói! São pessoas como essas que nos fazem acreditar que o mundo, ainda tem chance de ser um lugar melhor. Só tenho agradecer a Deus por ter usado esse policial para ajudar a salvar o meu filho.

PM SERÁ HOMENAGEADO PELA CRUZ VERMELHA BRASILEIRA DE CAXIAS DO SUL

O Sargento Monteiro possuí 13 anos de Brigada Militar e trabalha junto ao comando de Policiamento Ostensivo da Serra – CRPO/Serra e há 3 anos é voluntário da Cruz Vermelha Brasileira. O presidente Candido Tadeu Amaral procurou o comando do CRPO/Serra para destacar a atuação do voluntário e Policial Militar e afirmou que o sargento será condecorado com medalha pela Cruz Vermelha Brasileira da cidade e sugeriu que a BM também providencie uma homenagem. Amaral afirma que trocou informações com os médicos e com a equipe do SAMU e qualifica a ação do militar como fundamental no salvamento da vítima.

O comando da Brigada Militar na Serra, também avalia a atuação policial para uma possível indicação de medalha, mas de ante mão já afirmou constar uma referência elogiosa pelo feito em seus assentamentos.

SARGENTO ATRIBUI SALVAMENTO A CONHECIMENTOS ADQUIRIDOS NA BM E NA CRUZ VERMELHA

Tenho certeza que todos os conhecimentos e treinamentos adquiridos na Brigada Militar e na Cruz Vermelha foram importantíssimos para o êxito nos primeiros socorros. Em mais de 13 anos de Corporação, foi durante uma folga a primeira vez que precisei fazer um atendimento de tal dificuldade e risco, onde sabemos que cada segundo pode fazer a diferença entre a manutenção da vida ou o possível óbito da vítima. Graças a Deus tivemos o privilégio de poder contribuir para a continuidade da existência desse pai de família, o qual até então não conhecia, e hoje passa a ser um grande amigo – afirma o sargento.
Ele também destacou a atuação do companheiro de time, Cléber dos Passos, o qual, também contribuiu para o socorro.

Redação e Fotos: Jackson Cardoso – CRPO/Serra

Leave a comment

You must be Logged in to post comment.